Como iniciar um negócio

Se você deseja empreender e abrir o seu próprio negócio, pense no primordial: descobrir como solucionar o problema do cliente. De MEI à Multinacional, é por aí que se dá o start de qualquer empreendimento. Os clientes estão em busca de empresas que possam confiar, se relacionar, e, principalmente, empresas que solucionem suas necessidades.

Neste artigo vamos apresentar meios e ferramentas para você colocar no papel a sua ideia e colocá-la em prática para atingir os seus objetivos.

Amadurecendo a Ideia

O primeiro ponto para a validação de uma ideia é fazer uma pesquisa de mercado. Você precisa escutar o que os potenciais clientes têm a dizer, procurar saber quais os problemas eles têm e qual seria a solução para as suas demandas. Monte um questionário e aplique.

As perguntas tanto podem ser feitas à campo, onde você vai ouvir presencialmente o seu cliente, quanto pela internet. Particularmente, eu prefiro ir à rua, porque dessa forma é possível extrair muito mais informações do cliente. O interessante é montar um questionário com no máximo sete perguntas. Parecem poucas perguntas, né? Sim! Isso porque as pessoas andam sem tempo, com tantas atividades, que dificilmente você vai conseguir prender a atenção de alguém na rua por mais que três minutos.  Então seja esperto e faça perguntas objetivas.

Para aplicar ou tabular as informações você pode usar o Typeform, uma plataforma bem completa para montagem de questionários e tabulação de resultados

Planejando o Negócio

Com as demandas dos clientes em mãos agora é hora de planejar e traçar estratégias de resolução. Neste ponto, você deve pensar em meios de fazer o problema se transformar em oportunidade, e daí você visualiza o perfil da sua empresa. Pense em aspectos como facilidade, comodidade, velocidade e principalmente como fazer no menor custo possível, para manter a fidelidade do cliente. Uma ótima ferramenta para esta tarefa é o Canvas, muito utilizada para montar Startups e outros negócios.

Estruturando o Negócio

Com ideia esquematizada e validada, é hora de começar a fazer contas! Sim, fazer cálculos é fundamental para você analisar a viabilidade do seu negócio e se realmente vale a pena tirá-lo do papel. Pare um pouco e se faça as seguintes perguntas: Qual o custo de realizar o trabalho? Qual o custo da estrutura? Quanto será o meu salário? Que material vou precisar para realizar o serviço ou montar o produto? Quanto tempo eu preciso para atender o cliente? Quanto o mercado pagará pelo meu produto/serviço? Quem são os meus concorrentes e onde eles estão? Posso potencializar meu negócio via internet? Qual é o diferencial do meu negócio? São perguntas simples, porém, com respostas amplas, que vão te ajudar a estruturar, entender os custos e saber qual valor o mercado está disposto a pagar.

Tirando do Papel – Parte Burocrática

Um dos passos mais importantes na estruturação do seu negócio é procurar um bom contador para cuidar de toda a parte burocrática ainda na abertura da empresa. Mesmo se o seu negócio for MEI, é interessante a presença de um contador para você tirar todas as dúvidas sobre a atividade. Existem normas Municipais, Estaduais e Federais que você precisa se adequar para que seu negócio comece de forma legal e você fique tranquilo.

Caso o seu negócio seja em sociedade, fique atento! Procure um advogado e redija um contrato para acordar e resguardar a participação de cada um na abertura da empresa, definir como será o relacionamento, a retirada e outras cláusulas necessárias para um bom relacionamento entre os sócios. Certos desentendimentos são inevitáveis, seja por ideias diferentes, ou necessidades peculiares. Portanto, o documento manterá salva a proposta comum à sociedade.

Tirando do Papel – Parte Prática

A escolha do ponto, caso o negócio seja físico, é importantíssimo! O ponto tem fluxo de pessoas? As pessoas que passam por ali são potenciais clientes? Tem estacionamento? O mesmo cuidado você precisa ter com o negócio virtual:  o domínio é fácil de encontrar? O site ficou atraente, as pessoas conseguem acessar com facilidade?

  • Como vou gerenciar meu negócio?

Uma dica preciosa: É fundamental dispor de um sistema de trabalho desde o início. Nunca comece pelo caderno ou você vai se perder no meio do caminho por não conseguir visualizar tudo o que precisa.

No caso de empresa de prestação de serviço tenho duas dicas de sistema: o Tangerin e o Gestor 24hrs, já para o ramo do comercio/indústria, pesquise um sistema que atenda às necessidades de estoque, emissão de nota e outras atividades necessárias para seu dia a dia.

  • Como vou contratar pessoas?

Escolha as pessoas de acordo com o potencial e principalmente com base no que elas querem da vida! É necessário adequar o propósito da empresa com o propósito das pessoas que trabalham nela, pois assim o direcionamento e o foco do negócio será o cliente. Nunca contrate por ser mais barato ou por ser amigo, mas sim pelo que esse profissional pode agregar ao seu negócio.

  • Como começar a vender?

Quem não é visto não é lembrado! Crie estratégias de marketing e de vendas! Utilize as redes sociais para atrair pessoas, marketing digital para relacionar e converter clientes! Entre no site da Rock Content e da RD para entender melhor como funciona!

 

Gostou deste artigo? Então sugira novos temas! Conte para a gente a sua ideia. Você nos encontra no Instagram pelo @allmanconsultoria, ou no Facebook acessando a nossa página Allman Consultoria. Um abraço, bons negócios e até breve!

Deixe um comentário

× Gostou dos Nossos Materiais? Como posso te ajudar?